NOTÍCIAS

Você bobeou e a Apple comprou mais uma empresa de machine learning

Você bobeou e a Apple comprou mais uma empresa de machine learning

by 23 de setembro de 2016 0 comments

Sistemas que possam aprender com o comportamento de uso e variáveis de funcionamento para melhorarem a cada dia. Essa é a aposta de centenas de startups pelo mundo e de algumas corporações da tecnologia. O machine learning, um sub-campo da inteligência artificial, está na pauta de discussões de várias reuniões de estratégias nesse exato momento. Mas uma empresa está tendo mais atitude do que as demais para fortalecer-se nesse campo.

A Apple acaba de comprar mais uma empresa de machine learning. O alvo desta vez é a indiana Tuplejump. A startup se junta à Perceptio, comprada no final de 2015 e à Turi, adquirida no início de agosto.

Os valores do negócio não foram divulgados, o que é uma prática comum com negócios que envolvem startups, que não possuem as mesmas obrigações de divulgação financeiras das empresas com ações na bolsa. Essa companhias abertas, por sua vez, podem tratar essas compras com mais segredos e somente publicar algo nos balanços para mostrar como o dinheiro dos acionistas foi usado e está gerando resultado.

A fabricante do iPhone também não comentou a nova aquisição, soltando apenas aquela nota oficial conhecida e que parece uma resposta automática de call center: “A Apple compra empresas de tecnologia menores de tempos em tempos, e nós geralmente não discutimos esse nosso propósito ou planos.”

O que há na Tuplejump?
A startup indiana não é conhecida do mercado. Sequer é uma das estrelas da tecnologia indiana, que tem verdadeiros gigantes de outsourcing de TI e fábricas de software que vendem desenvolvimento por hora/homem. Mas quantas pessoas você pode contar que conhecem os fornecedores de machine learning hoje? Então, nesse caso, desconhecida não quer dizer soluções irrelevantes.

A Tuplejump nasceu com a ideia de “democratizar o big data” e “simplificar a rapidez com que se recupera dados em projetos de big data”, de acordo com postagens antigas. Sim, foi preciso recorrer ao cache dos mecanismos de buscas porque, após o negócio não confirmado pela Apple, a Tuplejump meio que desapareceu. Seu site e seu projeto principal, o FiloDB estão sendo recolhidos aos poucos.

Esse talvez seja o objetivo da Apple, o FiloDB é um sistema que vinha sendo desenvolvido em opensource para trabalhar no big data e analytics de informações complexas.

Acesse os outros sites da VideoPress

Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Radar Nacional – www.radarnacional.com.br

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *