NOTÍCIAS

Um terço dos 100 mais ricos na tecnologia são da Ásia

Um terço dos 100 mais ricos na tecnologia são da Ásia

by 11 de agosto de 2016

Fazer fortuna é um sonho de qualquer empreendedor no ramo da tecnologia. Nem sempre isso dá certo no seu próprio país e muitos acreditam que o segredo do sucesso é ir tentar a sorte no Vale do Silício, nos Estados Unidos. Mas esse começo de sucesso pode ter outros locais para começar, segundo o ranking dos 100 Mais Ricos da Tecnologia da revista Forbes americana. Um terço dessa elite, 33 membros, vieram da Ásia, na lista de 2016.

A China lidera as indicações com 19 nomes. Mais três são de Honk Kong, província administrativa chinesa independente. Com isso ocupa a segunda posição na lista, atrás apenas dos Estados Unidos, com 51 nomes. A Coréia do Sul aparece com três titãs da tecnologia, mesmo número que o Japão. Taiwan surge com dois.

O destaque na Forbes é Jack Ma, que comanda o superpoderoso site de comércio Alibaba e o site de serviços financeiros Ant. A fortuna do executivo cresceu US$ 2,6 bilhões em um ano, o que o torna um dos mais ricos no geral do setor de tecnologia, com total de US$ 25,8 bi. Ma é também um dos mais bem-sucedidos empreendedores dos últimos anos.

Ma Huateng, CEO da empresa de mídia e internet Tencent é outro que mostra força para crescer a própria riqueza. Ele é o homem por trás de alguns sucessos no setor, como o app de mensagens QQ e o de bate papo concorrente do Whatsapp, o WeChat. Ele acrescentou US$ 4,1 bi a sua fortuna no ano passado. Tem no total US$ 22 bi. O japonés Masayoshi Son, da Softbank é o terceiro com US$ 17 bi.

Novatos
A lista da Forbes traz novos nomes em 2016. O CEO Wang Xing, do site Meituan, no estilo do Groupon, é o mais bem posicionado dos novatos. Sua fortuna é estimada em US$ 3,5 bilhões, muito disso fruto da fusão com o site Dianping.com. A Meituan-Dianping- é a maior empresa de comércio on-line-to-off-line na China.

Acesse os outros sites da VideoPress

Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Radar Nacional – www.radarnacional.com.br