NOTÍCIAS

TVs inteligentes que espionavam consumidores geram multa de US$ 2,2 mi

TVs inteligentes que espionavam consumidores geram multa de US$ 2,2 mi

by 7 de fevereiro de 2017 0 comments

Um dos maiores fabricantes de televisores do mundo é acusado de espionar seus consumidores por meio da tecnologia de suas TVs inteligentes. A investigação do US Federal Trade Commission (FTC – Comissão Federal de Comércio dos EUA) descobriu que havia um software de rastreamento nos aparelhos e isso estava sendo usado para gravar imagens e hábitos das pessoas. Ontem, a comissão que analisa o caso divulgou que a empresa deverá pagar uma multa de US$ 2,2 milhões (aproximadamente R$ 6,8 milhões).

A Vizio produz TVs, equipamentos de home theathers e outros eletrônicos. Com muitas características tecnológicas de ponta e preço baixo, a marca é uma das que mais cresceram nos últimos anos. Desde 2011, vendeu mais de 11 milhões de modelos de TVs inteligentes. No Brasil, a empresa quase não é conhecida e os produtos são comercializados esporadicamente por pessoas que fazem negócios em sites de compra, venda e trocas.

O caso de espionagem de consumidores é grave. A empresa é acusada de vender as informações coletadas para terceiros, sem o consentimento das pessoas. Os hábitos de consumo e audiência de quem ficava na frente de uma TV inteligente da Vizio foram parar nas mãos de anunciantes e empresas de pesquisas.

A TV que assiste você
A tecnologia de rastreamento, chamada de reconhecimento de conteúdo automatizado, era vendida pela Vizio como uma forma de sugerir novos programas aos consumidores. O software embutido nas TVs inteligentes reconheciam o que era assistido. Mas, em vez de cruzarem dados com uma base legalizada para fazer sugestões de programas que combinavam com o consumidor, as informações iam para empresas que tinham todo o interesse em comandar o hábito de consumo de televisão das pessoas.

A comissão de comércio americana disse que a espionagem começou em 2014 e a Vizio reunia “cerca de 100 bilhões de dados por dia de milhões de TVs”. Além dos hábitos de audiência, o software de rastreamento coletou endereço IP do domicílio, pontos de acesso nas proximidades, código postal e outras informações privadas”, aponta o documento de denúncia da FTC.

Acesse os outros sites da VideoPress

Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Radar Nacional – www.radarnacional.com.br

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *