NOTÍCIAS

Só para mulheres: inscrições para curso de programação da CA

Só para mulheres: inscrições para curso de programação da CA

by 30 de junho de 2017 0 comments

Dando sequência à série de iniciativas para promover a formação de mulheres em tecnologia, a iniciativa PrograMaria e a CA Technologies lançam mais uma ação focada no público feminino. As inscrições para o curso de formação “Eu progr{amo}” vão até 9 de julho. A carga horária será dividida em 12 aulas, entre os dias 08 de agosto e 19 de setembro, totalizando 40 horas de formação.

O curso é destinado a pessoas com pouco ou nenhum conhecimento prévio em linguagens de programação e que querem usar a tecnologia como ferramenta no dia a dia. Será uma introdução a conceitos básicos de HTML, lógica, JQuery, JavaScript e CSS, capacitando as estudantes a programar sites. As 25 vagas disponíveis são destinadas ao público feminino e para concorrer, basta ter interesse pelo universo da programação. O curso será oferecido no SENAI do bairro de Santa Cecília, todas às terças e quintas, das 19h às 22h.

Patrocinado pela CA Technologies, uma das maiores fornecedoras de tecnologia corporativa do mundo, serão oferecidas bolsas de estudos às solicitantes que não puderem pagar o valor de inscrição. Esta é a terceira edição do curso de formação, que já formou 63 mulheres e recebeu mais de 1,6 mil inscrições no total.

O êxito de inscrições nas edições passadas comprova que as mulheres precisam apenas de incentivos para entrar no mercado de trabalho de tecnologia. “É fundamental remover as barreiras que separam as mulheres da tecnologia, não só porque o mercado carece de profissionais qualificados, mas principalmente porque o futuro está sendo escrito em linhas de código. A sociedade precisa que as mulheres também sejam protagonistas desse futuro”, afirma Iana Chan, fundadora da PrograMaria.

Representatividade
Apesar de serem maioria na população e no Ensino Superior, o Censo IBGE 2010 mostrou que as mulheres brasileiras representam apenas 22% das turmas de Ciências da Computação e, é claro, a falta de representatividade na educação continua no mercado de trabalho. De acordo com o levantamento Stack Overflow Developer Survey, edição 2017, as mulheres representam menos de 8% dos desenvolvedores no mundo.

A carência de mulheres no setor é uma estatística que a CA Technologies pretende fazer sua parte para mudar. “Acreditamos que é nosso dever estabelecer um ambiente de trabalho que promova a diversidade, igualdade de gênero e inclusão de minorias. E para que nossa empresa reflita essa visão é necessário apoiar causas como esta. Queremos ver a transformação no mercado acontecer”, afirma Alexandre Scaglia, diretor de comunicação e responsabilidade social da CA Technologies na América Latina.

 

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *