NOTÍCIAS

SAS Brasil cria General Business para crescer no País

SAS Brasil cria General Business para crescer no País

by 20 de março de 2015 0 comments

O SAS, empresa de business analytics, acaba de criar um canal diferenciado para clientes. O objetivo é tornar mais acessível as soluções de Analytics a todos os segmentos e necessidades de empresas. A General Business será a área responsável pelo atendimento que irá atuar por meio de equipes de venda direta (GB Direct) e de venda remota (GB Inside Sales), além de parceiros.

A companhia acena com portfólio de soluções para todo o ciclo de análise de dados, incluindo ferramentas para gerenciamento e integração de dados, exploração visual e análise preditiva de grandes volumes de informações.

De acordo com o vice-presidente do SAS Brasil, Cássio Pantaleoni, a área já representa cerca 11% das vendas e a expectativa é dobrar esse número até o final de 2015. “Faz muito tempo que Analytics já não é um assunto que interessa apenas às grandes empresas. As pequenas e médias também estão atentas à importância da análise preditiva e é fundamental haver um canal de comunicação mais orientado a esse segmento. Conquistamos 20 novos clientes no ano passado, na área de Inside Sales, e acreditamos que havendo a presença física de representantes comerciais do SAS em regiões estratégicas, os números serão ainda mais positivos”, explica.

A companhia informa ainda que outro objetivo igualmente importante com a estratégia é a abertura de mercados e a identificação de oportunidades que não se encaixam no perfil tradicional dos clientes da companhia. “Com essa área, conseguiremos mapear negócios que não chegariam tão facilmente ao nosso conhecimento e oferecer as nossas soluções fora dos grandes eixos econômicos do país”, destaca o vice-presidente da empresa.

O SAS nomeou Marcos Prete como gerente de General Business, além da área de Parcerias. Segundo Prete essa nova organização irá atender às necessidades de um segmento de negócios que anseia em obter maior valor dos seus dados. “A maioria das empresas já possui back-offices informatizados e, eventualmente, já conseguem analisar alguns dados. O próximo passo para elas é aprimorar os seus processos de tomada de decisão a partir da análise preditiva dos seus dados”, afirma o gerente.

 
 

Acesse os outros sites da VideoPress

Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Radar Nacional – www.radarnacional.com.br

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *