NOTÍCIAS

Pessoas depressivas usam 4 vezes mais o smartphone

Pessoas depressivas usam 4 vezes mais o smartphone

by 21 de julho de 2015 0 comments

Eles já são parte de nossa vida muito além do que se imaginava há alguns anos. Os smartphones nos ajudam na comunicação com amigos, no trabalho, nos estudos e até para pedir uma pizza na madrugada. E isso só para citar algumas coisas, há muito mais que eles fazem. Mas essa facilidade que é sinal dos tempos pode ter informações importantes para o monitoramento de distúrbios e doenças para o setor de Saúde e políticas públicas. Uma pesquisa da Northwestern University detectou que pessoas depressivas utilizam cerca de quatro vezes mais esses devices do que os que não sofrem de depressão.

A pesquisa utilizou smartphones com sensores para monitorar a atividade de voluntários e GPS para a localização. Os resultados foram publicados no Journal of Medical Internet Research e constataram que o uso diário por pessoas depressivas é em média de …68 minutos enquanto o de não depressivas é de 17 minutos. Os voluntários foram monitorados a cada cinco minutos.

Os dados não revelaram como os participantes estavam usando seus smartphones, mas os coordenadores apontaram que é provável que eles tiveram comportamento comum, navegando na Internet, jogando ou conversando com amigos sobre assuntos rotineiros. “As pessoas tendem, quando em seus smartphones, evitar pensar sobre as coisas que estão incomodando, sentimentos dolorosos ou relações difíceis “, disse Mohr. “É um comportamento de evitação vemos em depressão”, disse o autor do estudo, David Mohr, da Northwestern University’s Feinberg School of Medicine.

Isolamento pelo smartphone
Além disso, os pesquisadores descobriram que aqueles que não têm uma programação regular do dia-a-dia estão em maior risco para a ter quadros de depressão, bem como aqueles que passam a maior parte de seu tempo em casa ou em apenas alguns locais. “Os dados que mostram pessoas deprimidas tendem a não ir muitos lugares e isso reflete a perda de motivação vista em depressivos”, destacou o autor. “Quando as pessoas estão deprimidas, elas tendem a se retirar e não têm a motivação ou energia para sair e fazer as coisas”. E parece que o smartphone tem sido uma fuga nesse sentido. A nota de divulgação oficial do estudo pode ser lida clicando nesse link.

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *