NOTÍCIAS

O cloud computing como solução econômica

O cloud computing como solução econômica

by 22 de julho de 2015 0 comments

por Rosângela Sutil*

Existem muitos motivos que interferem nas margens de rentabilidade das empresas. Convivemos em um cenário marcado por aumento de custo para tomada de crédito, impostos e taxas; inflação acelerada; além de outros fatores que resultam em retração para diversas verticais. Em tempos como esses, diferentes soluções devem ser elaboradas para a contenção de custos e aumento da produtividade visando à eficiência econômico-financeira. É preciso ser criativo e fazer mais do que apenas reestruturar departamentos, adiar reformas e apostar em novos produtos e públicos-alvo.

Olhando mais especificamente para a Tecnologia da Informação (TI), sabemos que alguns de seus setores podem trabalhar de forma mais ativa na implementação de soluções para a redução de gastos. Algumas companhias nessa área podem trazer alternativas para as empresas “queimarem” menos caixa, além de atuarem como o facilitador de crescimento dos negócios. Poucos executivos tem consciência, mas o cloud, por exemplo, pode ser uma solução econômica válida.

Isso porque ao invés de efetuar a aquisição de estruturas físicas que demandam saída de caixa para compra dos ativos (capex), ou de recorrer a linhas de crédito e recursos para gestão, manutenção e garantia dos equipamentos (opex), o cliente pode optar pela contratação de especialistas cloud para a terceirização ou virtualização de data centers. Dessa forma, só será necessário arcar com uma mensalidade (opex), promovendo maior flexibilidade na gestão. Na hipótese de a empresa já ter efetuado os investimentos, a solução pode ser o uso de um cenário híbrido, ou seja, terceirizar backups ou espaços para projetos novos e/ou pontuais.

Veja abaixo 4 dos principais benefícios proporcionados:

1 – Infraestrutura: ao optar pela tecnologia de cloud hospedada em data centers com alto nível de certificação, como o Tier 3, é possível deixar de se preocupar com investimentos constantes em upgrade, garantias e manutenções de infraestrutura. E, ao mesmo tempo, contar com muito mais segurança, disponibilidade, redundância e latência.

2 – Otimização dos recursos: fornecedores de cloud têm competência para otimizar o uso dos equipamentos de seus clientes, uma vez que os espaços utilizados são virtuais, demandando menos recursos. Enquanto que, na hipótese de a empresa “construir” seu próprio data center, independente de tamanho e espaço utilizado, invariavelmente estará mais suscetível à ociosidade.

3 – Corte de Custos – Como dito anteriormente, soluções de cloud propiciam reduções de custos, de endividamento e de saídas de caixa para as contratantes. Também contribuem para a possibilidade de focar no “core business”. Ou seja, sobram mais tempo e recursos para o que realmente importa.

4 – Mão de Obra – Ao buscar um fornecedor com boa referência em cloud, a sua empresa contratará mão de obra especializada. A equipe ideal é a que transpira e inspira cloud 24 horas por dia, com as melhores práticas de gestão, operação e suporte da sua infraestrutura.

Para as empresas que ainda não se sentem prontas para esse modelo, recomendo iniciar aos poucos com pequenos projetos, assim lentamente poderão adquirir confiança. Numa visão de longo prazo, as companhias que saem na frente na utilização de cloud certamente são as que contam com maior probabilidade de sucesso. Afinal, optam por focar todos os seus esforços e recursos de pessoas, software e hardware no “core business”, gerando um fluxo de caixa mais saudável e com menor volume de endividamento gerado pelos investimentos em infraestrutura.

*Rosângela Sutil é diretora financeira da Mandic Cloud Solutions

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *