NOTÍCIAS

IPO da Snap brilha mais do que o do Facebook

IPO da Snap brilha mais do que o do Facebook

by 2 de março de 2017 0 comments

Nesta quinta-feira, 2 de março, a Snap, companhia dona do app Snapchat, tornou conhecidos os dados de sua oferta pública inicial de ações na bolsa (IPO, na sigla em inglês). Foram vendidas 200 milhões de ações a US$ 17 dólares cada uma, um valor que superou as estimativas. A companhia deve obter um valor recorde para o setor de tecnologia.

A operação desta quinta-feira coloca a empresa já com valor de mercado por volta dos US$ 20 bilhões, levando-se em conta os papéis disponíveis. Se acrescentados os instrumentos convertíveis e opções, o valor da empresa deve elevar-se para US$ 23,6 bilhões, de acordo com estimativas de analistas financeiros.

Em 2012, o Facebook levantou US$ 16 bilhões em sua entrada na bolsa. Na época, o IPO marcou o climax das expectativas das redes sociais, que começaram a surgir entre 2003 e 2004. Em 2013, foi a vez do Twitter conseguir US$ 14 bi com sua estreia no mercado de ações.

Os números são completamente distintos dos IPOs mais marcantes da tecnologia ao longo dos anos. Algumas das companhias mais valiosas da atualidade não chegaram perto do valor da Snap.

IPOs marcantes
Em 1986, o jovem Bill Gates lançou a Microsoft em bolsa, arrecadando US$ 778 milhões. Pouco antes, no começo dos anos 80, o IPO da Apple, obteve US$ 1,4 bi. Em 2004, o marco foi o IPO do Google, que alcançou US$ 23 bi. Todas essas empresas multiplicaram seus valores, dando lucros para quem apostou em seu sucesso.

A entrada em bolsa ajuda a captar dinheiro para crescimento e investimentos, mas não é garantia de sucesso ao longo dos anos. Em 2011, o badaladíssimo GoupOn fez o IPO e alcançou o valor de US$ 13 bi. A companhia enfrentou dificuldades no mercado e errou algumas decisões. Hoje, seu valor é quase seis vezes menor que o IPO.

O Snapchat tem 158 milhões de usuários ativos diário.

Acesse os outros sites da VideoPress

Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Radar Nacional – www.radarnacional.com.br

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *