NOTÍCIAS

HPE compra empresa de computadores de alto desempenho SGI por US$ 275 milhões

HPE compra empresa de computadores de alto desempenho SGI por US$ 275 milhões

by 12 de agosto de 2016 0 comments

A Hewlett Packard Enterprise (HPE), nascida do desmembramento da antiga HP em empresas distintas de consumo final e corporativo, anunciou que está prestes a adquirir a companhia de computadores de alto desempenho SGI, que vinha entrando também no mercado de big data/analytics. O preço do negócio foi estabelecido em US$ 275 milhões, mais a incorporação da dívida.

A HPE já deu mostras que está focada no crescimento de tendências ligadas ao big data e analytics. Nos últimos meses vem se desfazendo de negócios que julga complicados ou ligados a uma TI tradicional e tem acelerado as compras. Foi assim que se desfez da indiana Mphasis, por US$ 825 milhões, em abril, e fundiu uma parte dos negócios com a CSC, no mês seguinte.A compra da SGI, antigamente conhecida como Silicon Graphics, põe um pé mais firme no mercado de computação de alto desempenho (HPC) e análise de dados. A SGI tem entrado aos poucos nesse segmento, aproveitando a potência computacional de seus produtos. “As tecnologias inovadoras da SGI e serviços, incluindo seus best-in-class de análise de big data e soluções de computação de alto desempenho, complementam as soluções da HPE”, apontou o vice-presidente executivo e gerente geral da HPE, Antonio Neri, em um comunicado.

Antigo ícone
Fundada em Mountain View, Califórnia, em 1981 pelo co-fundador da Netscape, Jim Clark, a Silicon Graphics, Inc. fabrica hardware e software para computadores de alto desempenho. A empresa marcou época com seus computadores parrudos, ajudando vários filmes de Hollywood a serem feitos, mas vinha de dificuldades nos últimos anos. Em abril de 2009, após a sua retirada da bolsa de Nova York, entrou com pedido de concordata. Posteriormente, foi adquirida pela Rackable Systems, que adotou o nome SGI.

A SGI tem cerca de 1.100 funcionários em todo o mundo e gerou US $ 533 milhões em receita em seu ano fisca de 2016. O mercado de cinema e mídia vinha minguando, mas seus computadores ainda eram muito utilizados em governos e instituições científicas.

O negócio, após passar pelos órgãos regulamentares, deve ser concluído no 1º trimestre do próximo ano.-

Acesse os outros sites da VideoPress

Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Radar Nacional – www.radarnacional.com.br

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *