NOTÍCIAS

Dono do Facebook divulga fotos raras de data center da empresa no Ártico

Dono do Facebook divulga fotos raras de data center da empresa no Ártico

by 29 de setembro de 2016 0 comments

Luleå, ao Norte da Suécia, só está no mapa da tecnologia mundial para alguns experts. Somente quem conhece a informação de que lá está situado um dos mais importantes data centers do planeta, pertencente ao Facebook, sabe que a cidade existe e é um marco para o mercado da tecnologia. Não que a localidade seja isolada. Seu porto é movimentado desde a época medieval.

Mas na atualidade, ela é mais do que um local para o comércio marítimo da Suécia. Nas “profundezas das florestas” que cercam a cidade, como descreve o CEO e fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, está um dos data centers mais impressionantes do mundo. “É uma parte fundamental da nossa infraestrutura global, e usa uma variedade de recursos naturais locais para aumentar a eficiência e economizar energia”, destaca em seu post.

Luleå é uma cidade fria. A arquitetura das ruas, feita de modo a parecer vários quadrados e retas, amplifica a sensação de temperatura baixa. Hoje, 29 de setembro, os termômetros estão marcando agradáveis 10° C de um dia quente de outono. Mas, na próxima terça-feira, 4 de outubro, mostrarão máxima (isso mesmo, máxima) de 3° C. Não é raro marcarem 50 graus negativos, descreve Zuckerberg.

Arquitetura do data center sueco do Facebook é reduzida ao básico para evitar calor e facilitar acesso

Arquitetura do data center sueco do Facebook é reduzida ao básico para evitar calor e facilitar acesso

“Por isso, usamos grandes ventiladores para puxar o ar externo para refrigerar naturalmente os milhares de servidores aquecidos que ladeiam os largos corredores do centro de dados”, aponta o CEO do Facebook. Há mais algumas dezenas de usos dos próprios recursos naturais da região pra manter o data center operacional. “Uma dúzia de usinas hidrelétricas operam em rios próximos, proporcionando uma fonte de energia confiável e renovável”. Com isso, enfatiza em seu post, “todo o sistema é 10% mais eficiente e utiliza quase 40% menos energia do que os centros de dados tradicionais”.

Viagem por fotos
Zuckerberg escolheu o data center sueco para começar uma viagem por fotos raras das tecnologias da empresa. Ele promete mais, usando seu perfil oficial no Facebook. Segundo ele, é bom que as pessoas percebam como essas coisas funcionam. “Você provavelmente não pensa sobre Luleå quando compartilha posts e fotos com amigos no Facebook. Mas o data center da cidade é um exemplo da infraestrutura de tecnologia incrivelmente complexa que mantém o mundo conectado”. E finaliza: “estou ansioso para compartilhar fotos de mais de nossa tecnologia avançada em breve.”

Acesse os outros sites da VideoPress

Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Radar Nacional – www.radarnacional.com.br

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *