NOTÍCIAS

Celular para os filhos, só depois dos 14 anos, diz Bill Gates

Celular para os filhos, só depois dos 14 anos, diz Bill Gates

by 24 de abril de 2017 0 comments

Hoje em dia é comum vermos as crianças interagindo constantemente com seus smartphones e tablets. A geração mais nova nasceu com a tecnologia da computação e comunicação digital e isso leva-nos a pensar que é natural que fiquem ligados ao máximo na internet. Mas, para o fundador da Microsoft, isso não é uma regra.

Bill Gates declarou que manteve os três filhos longe dos celulares o máximo que pôde. “Muitas vezes estabelecemos um tempo, após o qual não havia mais direito à tela, o que os ajudou a dormir em uma hora razoável”, disse em uma entrevista ao diário The Mirror. Ele também não permitiu que as crianças tivessem telefone celular antes de completarem 14 anos. Mesmo após essa idade, as as regras rígidas continuaram.

Gates é pai de Jennifer, 20, Rory, 17, e Phoebe, 14. Preocupado com a educação tecnológica dos filhos, o fundador da Microsoft e constantemente presente entre os mais ricos do mundo, o bilionário vê a tecnologia como algo útil, mas que pode ser também um dispersador de atenções. “Você está sempre olhando como o celular pode ser usado de uma maneira grandiosa – lição de casa ou ficar em contato com os amigos – e também onde ele tem chances de chegar a um excesso”, lembra.

“Nós não temos celulares na mesa quando estamos numa refeição, nós não damos nossos telefones celulares crianças até que eles tenham 14 anos, mesmo que elas reclamem que outras crianças tem eles mais cedo.”

Gates também é um marido zeloso ao excesso com isso. Sua mulher Melinda, apontou, na entrevista ao jornal britânico, que às vezes sente-se incomodada por não poder ter as novidades tecnológicas primeiro, já que vem de uma família que tem sua fortuna ligada aos avanços da computação. “De vez em quando eu olho para minhas amigas e digo ‘oh, eu não me importaria de ter esse iPhone’.”

Benemérito
O casal comanda a Fundação Bill e Melinda Gates, considerada uma das maiores organizações para caridade do mundo. A fundação ajuda em projetos e pesquisas em regiões pobres, dando incentivos e dinheiro para o desenvolvimento da sociedade local. Nem tudo é ligado à tecnologia da informação. A fundação já ajudou a criar banheiros ecológicos de baixo custo e colocou milhões de dólares em pesquisas para eliminação de doenças transmitidas por mosquitos.

Gates deixou o comando da Microsoft em 2008, agindo desde então somente como executivo-conselheiro. Além de ser um dos homens mais ricos do mundo, ele é considerado um dos pioneiros da computação, com a criação dos principais produtos da Microsoft até o início da última década.

Acesse os outros sites da VideoPress

Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Radar Nacional – www.radarnacional.com.br

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *