NOTÍCIAS

Brasil sai da lista dos países mais atacados por ransomware

Brasil sai da lista dos países mais atacados por ransomware

by 3 de março de 2015 0 comments

A Trend Micro, empresa de segurança da informação, anuncia em seu relatório anual de segurança de 2014, “Magnified Losses, Amplified Need for Cyber-attack Preparedness”, que o Brasil foi o 4º país com maior número de servidores C&C no mundo, atrás de Estados Unidos, Reino Unido e Índia. Apesar do número alto de servidores aos quais os computadores com botnets ativas se conectam, ele não está entre os dez que possuem mais máquinas infectadas.

Em relação ao número de infecções por ransomware – espécie de malware que bloqueia o acesso ao sistema contaminado – o Brasil saiu da lista dos mais afetados. Em 2013, o país ficou com o 8º lugar, mas em 2014 não figurou entre os dez primeiros. Globalmente, o número de ataques dessa natureza diminuiu de 84 mil, em 2013, para 48 mil, em 2014, mas eles se tornaram mais robustos e acarretaram consequências mais graves, como o encriptamento de arquivos e o sequestro de informações sensíveis.

“Os ataques utilizando ransomware diminuíram no mundo em 2014, mas ficaram mais sofisticados e tiveram consequências mais severas. Portanto, a diminuição no número não significa que essa ameaça deixa de ser preocupante”, alerta Miguel Macedo, diretor de Marketing da Trend Micro.

Relatório Global
Os ataques proliferados contra a Sony ajudaram para que 2014 fosse um dos anos com maior registro de ciberataques. Cerca de 100 terabytes de dados foram comprometidos e até US $ 100 milhões em danos foram infligidos durante esse incidente que virou manchete de jornal. A Trend Micro analisou essa e outras atividades notáveis ao longo de 2014, ano cujos acontecimentos reforçaram que os cibercriminosos são implacáveis, com níveis de sofisticação e tenacidade cada vez maiores.

“No fim, é uma combinação: identificar o que é mais importante, aplicar as tecnologias corretas e educar os usuários”, diz Raimund Genes, CTO global da Trend Micro. “É função de todo mundo, não só dos profissionais de TI, assegurar que os dados mais importantes da empresa estejam seguros”, complementa.

O relatório também inclui a confirmação da previsão da Trend Micro, no fim de 2013, de que uma grande brecha de dados ocorreria a cada mês, solidificando a necessidade das organizações de protegerem as suas redes e de implementarem detecções de intrusos.

 

Acessse os outros sites da VideoPress

Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Radar Nacional – www.radarnacional.com.br

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *