NOTÍCIAS

Blockchain da American Express pode ser divisor de águas

Blockchain da American Express pode ser divisor de águas

by 17 de novembro de 2017 0 comments

A American Express começa a utilizar pagamentos instantâneos com tecnologia de blockchain, a mesma que faz as moedas digitais funcionarem. A novidade é uma parceria com a startup Ripple, uma fintech especializada em nesses blocos criptografados e encadeados, e está à disposição de clientes corporativos americanos que precisam enviar valores para empresas do Reino Unido.

A tradicional operadora de cartões batizou seu novo serviço de FX International Payments (FXIP). O serviço já havia sido testado antes e essa fase com empresas americanas e britânicas é a última antes de lançar o serviço para outros mercados e clientes. Ainda não há data para a expansão, mas a American Express está otimista quanto à estabilidade da tecnologia e à adesão dos clientes corporativos.

O blockchain é um sistema de alta segurança e confiabilidade que permite que criptomoedas como bitcoin e ethereum funcionem. Os blocos de informação criptografada permitem que valores sejam transacionados sem a interferência de uma autoridade financeira central. A rede de usuários participante cuida de fazer a checagem da disponibilidade do dinheiro, de forma automática, por meio dos blocos.

Esse pode ser um divisor de águas no uso do blockchain no mundo. Bancos e seguradoras por todo o mundo estão testando a tecnologia e alguns usos pontuais já foram feitos em comércio e exportação. A liberação de um novo serviço de uma bandeira conhecida como a American Express pode entusiasmar outras instituições a adotarem a novidade.

Rapidez
O blockchain está no que se chama de hype tecnológico, uma fase que conta-se com a tecnologia para promover milagres. Exageros à parte, os blocos criptografados se mostram estáveis e confiáveis para uma série de processos comerciais que dependem de garantia. Muito de seu sucesso até agora está em uma nova entrada contábil, de forma automática e rápida, que evita sistemas caros e pesados de gerenciamento nas empresas financeiras.

“A American Express tem uma longa história de integração de novas tecnologias …”, disse o vice-presidente  executivo de Informação da American Express, Marc Gordon. “Esta colaboração com Ripple e Santander representa o próximo passo em frente na nossa jornada no blockchain, evoluindo da maneira como movemos dinheiro ao redor do mundo”.

“As transferências que costumavam levar dias serão concluídas em tempo real, permitindo que o dinheiro se mova tão rápido quanto os negócios de hoje”, disse o CEO da Ripple, Brad Garlinghouse..

Acesse os outros sites da VideoPress

Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Radar Nacional – www.radarnacional.com.br

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *