NOTÍCIAS

As “Empresas Mais Atraentes” no Brasil, segundo o LinkedIn

As “Empresas Mais Atraentes” no Brasil, segundo o LinkedIn

by 20 de junho de 2016 0 comments

O LinkedIn, rede social de caráter corporativo e profissional, acaba de divulgar um novo ranking intitulado “As Empresas Mais Atraentes” (ou Top Attractors), que elegeu as 25 empresas que mais atraem atenção e candidatos dentro da rede.

As três primeiras colocadas no ranking do Brasil foram LATAM (Linhas aéreas/Aviação), GPA (Varejo) e BRF (Indústria de Alimentos e Bebidas). O topo do ranking é de uma empresa recente, a LATAM é fruto da fusão da companhia brasileira TAM com a chilena LANA. A lista levou em consideração uma série de dados do LinkedIn, como candidatos por vaga, alcance da empresa, engajamento do usuário e poder de atração.

Os dados foram consolidados em uma lista global e seis específicas – Austrália, Brasil, Estados Unidos, França, Índia e Reino Unido.

Este ranking faz parte de uma série de estudos do LinkedIn, intitulados LinkedIn List, e coordenados pela equipe editorial da empresa. Segundo Rodrigo Brancatelli, Editor Senior do LinkedIn no Brasil, “a plataforma é única na sua capacidade de coletar dados e entender movimentos do mercado, principalmente no que se refere a empresas e talentos. A qualidade dos talentos e o poder da empresa em atraí-los e retê-los são hoje um grande diferencial. Portanto decidimos encontrar as empresas que estão fazendo bem este papel no ambiente LinkedIn”.

As 25 empresas mais atraentes no Brasil são:

 

1.    LATAM Airlines

2.    GPA

3.    BRF

4.    Ambev

5.    Brasil Kirin

6.    TOTVS

7.    Whirlpool

8.    Kroton

9.    JBS

10.  Bunge

11.  Klabin

12.   Hypermarcas

13.   Accenture

14.   Raízen

15.   Itaú Unibanco

16.   Natura

17.   BR Malls

18.   Riachuelo

19.   Cielo

20.   BM&F Bovespa

21.   Lojas Renner

22.   TIM

23.   Leroy Merlin

24.   PwC

25.   Grupo Boticário

Para mais detalhes sobre as empresas nas quais os brasileiros sonham em desenvolver carreira, perfil das vencedoras, e, talvez, já ir mandando um currículo para elas, clique nesse link. Ele levará direto à página oficial da pesquisa feita pela rede social LinkedIn, recentemente adquirida pela Microsoft em um negócio que pegou de surpresa o mundo da tecnologia da informação (TI) e da internet.

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *