NOTÍCIAS

Adivinhe quem está assistindo mais TV no celular? É a terceira idade

Adivinhe quem está assistindo mais TV no celular? É a terceira idade

by 30 de julho de 2015 0 comments

A possibilidade de assistir TV onde estiver, pelo smartphone com essa capacidade, tem atraído um público diferente do esperado. Desde quando a TV móvel foi prometida, a intenção era proporcionar uma alternativa de consumo para jovens que estivessem em deslocamento, por exemplo, entre o trabalho e a escola ou na balada. Anos depois,  o público-alvo parece ter mudado.

Provavelmente o surgimento de alternativas ao modelo – como o streaming de video, canais de youtubers, Vine, etc –  dividiu o mercado. Os mais jovens preferem essas novidades enquanto a programação tradicional mobile tem encantado cada vez mais um público pra lá de maduro.

De acordo com estudo da ARRIS, sobre consumo de entretenimento, a TV móvel ainda tem o público jovem como maior grupo adepto. Contudo, o maior crescimento ocorreu entre os mais velhos. Cerca de 30% das pessoas com 65 anos ou mais relataram assistir TV no celular pelo menos uma vez ao dia. Essa taxa surpreendeu os analistas. Em 2014, a terceira idade televisiva mobile era de 19%.

O estudo também perguntou sobre o motivo que levam um consumidor de programação de TV desistir da transmissão recebida no celular. A primeira razão (26%) é o fato de a tela ser muito pequena para a maioria do conteúdo gerado. Somente depois dessa reclamação é que surge o preço dos serviços de dados das operadoras.

consumo TV mobile

A empresa também relacionou a importância do Wi-Fi nesse mercado de TV móvel. Para os coordenadores do levantamento, o Wi-Fi passou de algo importante para uma “extrema necessidade”. A maioria (56%) dos entrevistados gostaria de ter essa conexão sem fio em mais lugares como, praças, parques e pontos de ônibus.

Os resultados do estudo são baseados em uma pesquisa com 19 mil entrevistados de 19 países. Foram mil de cada localidade escolhida: Argentina; Austrália; Brasil; Canadá; Chile; China; França; Alemanha; Índia; Japão; México; Rússia; Cingapura; Coreia do Sul; Espanha; Suécia; Peru; Reino Unido; e os EUA. Os entrevistados foram escolhidos entre quem consumia um serviço de TV com um dispositivo capaz de acessar uma conexão de internet.

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *