NOTÍCIAS

Vazamento de dados da Equifax é potencialmente devastador

Vazamento de dados da Equifax é potencialmente devastador

by 8 de setembro de 2017 0 comments

Anteriormente, em “ o maior vazamento de dados da história”: você se assustou quando o Yahoo deixou as informações de 1 bilhão de consumidores escapar entre seus buracos de segurança digital. Depois ficou mais impressionado quando outros 500 mil tiveram o mesmo destino. O susto virou pânico com as seguidas ações de hackers em redes sociais, inclusive de “encontros extraconjugais”. Pois, prepare-se, um vazamento de dados ocorrido na empresa de crédito e informações financeiras Equifax pode ser mais destrutivo ainda, apesar de menor.

Nesta quinta-feira, 7 de setembro, executivos da empresa admitiram que cerca de 143 milhões de dados de clientes foram parar nas mãos de cibercriminosos. O grupo que agiu explorou uma brecha de segurança nos sistemas e ganhou uma porta aberta para o manancial de histórico de crédito desses milhões de pessoas.

Apesar de menor do que outros problemas desse tipo ocorridos no passado (Yahoo, MySpace, etc) o vazamento da Equifax está sendo considerado potencialmente explosivo por duas razões: o tipo de informação roubada e a amplitude que isso pode alcançar.

Entre os dados expostos estão nomes, endereços, números da Previdência, datas de nascimento, números do cartão de crédito e vários documentos pessoais. Com um pacote desses, criminosos podem “criar” uma falsa identidade com muito mais veracidade. Isso porque esse tipo de informação é considerada “pessoal e inalterável”. Combinando mais do que dois itens desse em um cadastro, praticamente ninguém notará que alguém está se passando por outra pessoa.

O problema está sendo considerado algo que afeta somente consumidores americanos, por enquanto. Mas isso já é motivo de extrema preocupação. O país tem cerca de 308 milhões de habitantes. Os 143 milhões de cadastros vazados chegam perto de 45% da população. Se crianças e pessoas sem histórico de crédito foram retiradas da conta, a proporção se torna absolutamente assustadora. Provavelmente os criminosos estão com informações de mais da metade dos americanos e justamente da metade que gasta, tem crédito e dívidas.

Sinal de escândalo
O vazamento ainda pode colocar a imagem da Equifax em xeque. A empresa demorou mais de cinco semanas para divulgar o ocorrido. Para quem tem ações na bolsa, isso não é uma atitude louvável e transparente. E pior, executivos da Equifax venderam ações em volume maior do que o normal entre a data do problema e a data de sua divulgação.

A empresa divulgou nota dizendo que esses funcionários não sabiam do vazamento no momento que movimentaram as ações na bolsa.

Mas o indício de uso de informação privilegiada para levar vantagem financeira diante de um problema grave de segurança digital é forte e não deve ficar impune. Nesta sexta-feira, 8 de setembro, procuradores públicos começaram a entrar com pedido de investigações sobre o vazamento e a atitude da cúpula da empresa.

Para piorar a imagem da empresa, a Equifax começou a divulgar que prestará serviços de segurança e crédito de graça para qualquer pessoa que foi afetada pelo vazamento, desde que ela assine um termo que isente o nome da empresa de futuras ações judiciais.

Acesse os outros sites da VideoPress

Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Radar Nacional – www.radarnacional.com.br

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *