NOTÍCIAS

Microsoft estaria reorganizando vendas de olho em US$ 4,5 tri em cloud

Microsoft estaria reorganizando vendas de olho em US$ 4,5 tri em cloud

by 4 de julho de 2017 0 comments

A Microsoft começará a reorganizar suas equipes globais de vendas para aumentar os negócios de cloud e tecnologias novas. A notícia vazou em um e-mail assinado por executivos da empresa e endereçado a empregados. O texto vem com os nomes do chefe Comercial Global, Judson Althoff; do líder do Grupo de Vendas e Marketing, Jean-Philippe Courtois; e do diretor de Marketing, Chris Capossela (Worldwide Commercial Business chief, Global Sales e Marketing group leader,chief marketing officer, nos cargos em inglês). O aviso de reestruturação não fala em demissões.

As equipes globais de vendas serão remanejadas para duas áreas prioritárias – Corporativo e Pequenas e Médias Empresas. Devem ainda trabalhar com seis verticais de negócio como foco principal: manufatura, serviços financeiros, varejo, saúde, educação e governo.

O e-mail foi divulgado por agências internacionais de notícias e deixa clara a posição da empresa de conquistar a liderança em negócios de cloud, que demandam pagamentos mensais e serviços adicionais, em detrimento da venda de licenças de software, como tem sido desde a existência da Microsoft.

O texto deixa claro que as equipes de vendas terão de mudar o modo como agem e – aparentemente – haverá um treinamento forte para isso. O foco de mercado será em transformação de escritórios, automação com inteligência artificial, fornecimento de serviços de infraestrutura e dados, além de aplicações de negócio específicas.

Aos trilhões
As oportunidades parecem ser imensas. Uma frase colocada como sendo dos executivos que assinam a carta diz claramente o tamanho do mercado alvo. “Estamos em posição única para fornecer aos consumidores e parceiros a condução deles para a liderança e o sucesso na transformação digital”. “Há uma oportunidade incrível de US$ 4,5 trilhões por negócios”, citando os segmentos corporativos e de consumo final.

As mudanças – se efetivadas – darão nova cara a todo o modelo de vendas da empresa. As equipes de consumo trabalharão ainda com o Windows, mas terão ainda que dar prioridade para Office 365, Surface, Xbox e novidades de internet das coisas (IoT), comandos por voz, realidade aumentada/virtual e inteligência artificial.

O novo foco mostra que a empresa brigará com Amazon e Alphabet (holding do Google) pelo domínio do mercado de cloud, IA e novas tecnologias da transformação digital. A Microsoft tem cerca de 121.500 empregados e essa pode ser a maior mudança em seu esquema de vendas desde sua fundação.

Acesse os outros sites da VideoPress

Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Radar Nacional – www.radarnacional.com.br

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *