NOTÍCIAS

E-commerce B2B quer crescer 75% com fintechs e startups

E-commerce B2B quer crescer 75% com fintechs e startups

by 10 de julho de 2017 0 comments

Lançado para preencher o gargalo brasileiro em e-commerces B2B, o Gaveteiro tem se destacado como fornecedor de startups nacionais de grande porte. O sucesso da marca deve-se à facilidade de negociação desses players com a empresa e à diversificação dos produtos oferecidos para atender setores variados. O resultado é uma expansão de 70% registrada no ano passado e perspectivas semelhantes para 2017.

O Nubank, fintech brasileira que trouxe novos ares ao mercado de cartões de crédito, compra produtos para manutenção no Gaveteiro desde meados do ano passado. “Nós sempre trabalhamos com pelo menos três cotações antes de comprar e o Gaveteiro se mostrou a melhor opção em todos os aspectos”, conta Mariana Almeida, responsável pelo setor na Hines, empresa que ajuda com as operações do Nubank.

Por sua vez, a Mobly, e-commerce do setor de móveis e decorações, se interessou pelo Gaveteiro em função da possibilidade de ter mais agilidade e economia no fornecimento de produtos. O contato inicial aconteceu para atender à demanda da Black Friday do ano passado e a aliança se manteve desde então. “Desenvolvemos uma parceria que já nos rendeu boas reduções de custos. Com certeza, queremos mantê-la por muitos anos”, diz Luciano Ricardo, diretor financeiro da Mobly.

Expansão
Para o americano Joshua Kempf, fundador do Gaveteiro ao lado do alemão Benedikt Voller, foi justamente a falta de agilidade do mercado B2B brasileiro que inspirou a criação da empresa. “No começo dessa década, enquanto o e-commerce B2C já estava consolidado no Brasil, o B2B ainda era incipiente”, explica. “Por outro lado, tínhamos os exemplos dos Estados Unidos e Europa, que mostravam o potencial de expansão”, completa Kempf.

Por meio de um rápido processo de expansão, o site diversificou sua oferta para englobar qualquer item necessário para a operação empresarial, do chão da fábrica até a mesa dos funcionários, passando por ferramentas de trabalho – hoje, o portfólio conta com 10 mil produtos. São vendidos cerca de 40 mil itens por dia e, até o final do ano, a expectativa da companhia é aumentar o faturamento em 75%.

 

Acesse os outros sites da VideoPress

Portal Vida Moderna – www.vidamoderna.com.br

Radar Nacional – www.radarnacional.com.br

Nenhum Comentário

Seja o Primeiro a Comentar Este Post

Nenhum Comentário Ainda!

Seja o Primeiro a fazer um comentário.

Deixe uma resposta

<

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *